“Durante os primeiros meses da pandemia, motivadas pelo confinamento, as crianças ingeriram mais produtos açucarados do que o habitual. As conclusões constam num estudo que o Serviço Odontopediátrico da Lisboa (SOL), da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, realizou com base em respostas de 1566 crianças, durante o período em que não foi possível dar as habituais consultas gratuitas aos seus pacientes.”

Os dados deste estudo são apresentados numa notícia no Jornal Público que refletem que 37% das crianças avaliadas ingeriam alimentos açucarados mais de três vezes por semana ou todos os dias. A percentagem subiu para 41% durante os primeiros meses da pandemia”. 

Por isto, e muitas vezes, pela falta de tempo dos pais, é importante existirem cada vez mais profissionais qualificados capazes de responder de forma efetiva a este problema e atuar para que a alimentação das nossas crianças seja o mais equilibrada possível. Consulte a notícia na íntegra aqui

Este cenário é elucidativo da importância que os profissionais da área da saúde têm para ajudar no bem estar físico e mental dos adultos mas, mais concretamente, das nossas crianças e que estão capacitados para proporcionar uma melhor qualidade de vida uma vez que a alimentação tem um papel fundamental nas nossas vidas. O curso de formação de Nutrição, Dietética e Parafarmácia da Do It Better, vai proporcionar-lhe todo o conhecimento necessário acerca da nutrição, hábitos alimentares, segurança, microbiologia alimentar e medicamentos não sujeitos a receita médica e muito mais. 

Venha fazer a diferença na saúde e bem estar das outras pessoas e construir uma carreira de sucesso com a Do It Better! 

ABOUT INSTRUCTOR

Deixe um comentário