Gestora Financeira, conheça o dia a dia desta profissão

Como é o dia de uma Gestora Financeira

Neste artigo convidamos-lhe a conhecer um membro da equipa da Do It Better de Lisboa, da área de Contabilidade, que trabalha como Gestora Financeira.

Brunna Coimbra, Licenciada em Gestão de Empresas pela Coimbra Business School e pela Univerzita Komenského v Bratislave, vem partilhar-nos como é um dia de uma profissional de gestão financeira na Do It Better. E claro, dar-nos-à alguns conselhos e dicas para quem deseja envergar na área contabilística. 

DO IT BETTER: Primeiramente gostaríamos de agradecer pela sua disponibilidade. É um prazer tê-la connosco no nosso blog. 

BRUNNA: Eu que agradeço, estarei sempre à disposição para ajudar no que for preciso.

DO IT BETTER: Após ter realizado a sua licenciatura, quais foram as expectativas face ao mundo do trabalho? E quais os grandes desafios profissionais desta área, relativamente à passagem da formação académica à realidade laboral?

BRUNNA: Quando terminei a licenciatura, ainda havia uma grande taxa de desemprego entre os recém-licenciados e por isso tive algum receio. Mas por sorte, este não era um problema para a minha área. Havia tantas vagas que, devido ao elevado nº de propostas que recebi, até pude escolher onde queria trabalhar, e um mês após terminar a licenciatura já estava a trabalhar no BNP Paribas.

A passagem da universidade para a realidade laboral para mim foi um choque. O meu primeiro emprego após a licenciatura foi num banco multinacional onde a responsabilidade era enorme, e o trabalho muito delicado. Lidava com milhões de euros em transacções e o risco era algo que me preocupava. O idioma utilizado no trabalho era o inglês e por vezes o francês, o que também me causou alguma insegurança por nenhum dos idiomas ser a minha língua materna. Mas tudo foi superável e por fim passou a ser algo completamente normal para mim.

DO IT BETTER: Como é um dia de trabalho como uma profissional da área de contabilidade, nomeadamente como Gestora Financeira? 

BRUNNA: Na Do It Better, o meu trabalho consiste em controlar os resultados operacionais de forma a que a empresa melhore a sua rentabilidade e atinja os melhores resultados possíveis. Isso implica alguns trabalhos contabilísticos como a inserção de faturas no PHC, reconciliação bancária e a criação de Excel de controlo mensal dos resultados. Também é necessário conhecer todas as áreas de trabalho de forma a conseguir criar planos de melhoria para a empresa em geral.

Por agora ainda estou a aprender tudo dentro da área financeira (processamento de salários, controlo de fechos de caixa, encomendas, inserção de faturas, devoluções, etc). Para isso é necessário ter conhecimentos básicos de contabilidade, como fazer lançamentos contabilísticos, balanços e balancetes, controlo de stock, entre outros.

DO IT BETTER:  Após termos perguntado aos nossos seguidores no nosso Instagram (@doitbetter.pt) acerca de questões que possivelmente tivessem relacionadas à área da contabilidade e gestão financeira, houve uma que se destacou particularmente: “Como é que o curso poderia me ajudar a entrar no mercado de trabalho e onde poderia conseguir emprego?”

BRUNNA: O curso proporciona noções essenciais para quem deseja trabalhar nesta área, como por exemplo, ensina a efetuar lançamentos contabilísticos, a criar balanços e a entender o SNC (código de contas e normas contabilísticas). Para além disso ainda proporciona conhecimentos de Fiscalidade (impostos como: IRS, IRC, IMI), que podem ser úteis tanto no ambiente laboral quanto pessoal (na criação do próprio IRS, na compra de uma casa, etc).

Acredito que qualquer empresa necessita de alguém para lidar com as responsabilidades contabilísticas, desde que haja entrada e saída de dinheiro existe a necessidade de algum controlo, por isso seria fácil conseguir emprego em pequenas e médias empresas.

DO IT BETTER: Para quem tenha curiosidade em iniciar um curso nesta área, o que deve ter em consideração ao escolhê-lo? 

BRUNNA· Para esta área é necessário gostar de números e ter atenção ao detalhe, um pequeno erro pode desencadear grandes problemas. Espírito crítico e criatividade também são importantes: espírito crítico para conseguir captar e prever problemas, e criatividade para resolvê-los.

Call_to_Action_Contabilidade

Curso de Assistente Administrativo e de Contabilidade tem uma panóplia de saídas profissionais, entre as quais Assistente Administrativo, Técnico de Contabilidade, Assistente de Tesouraria e Gestor de Cobranças.

Interessa-se pela área? Então do que está à espera? Invista em si e no seu conhecimento, venha ser BETTER connosco!

Artigos relacionados:

 

Autoria: Carmen Alcobio