Notícias

Inauguração do 12º centro ‘Do It Better’ a nível nacional

Viseu vai ser a próxima cidade a acolher a nova expansão da empresa.

Após ter concluído 11 anos no mercado nacional, a Do It Better prepara-se para abrir, em outubro, o seu novo centro de formação profissional em Viseu.

É com a visão de potenciar o crescimento e o sucesso dos seus formandos que a ‘Do It Better’ desenvolveu um novo projeto a nível nacional – a abertura de um novo centro de formação na cidade de Viseu.

Desenvolver formações de excelência, evoluir e expandir, são adjetivos que fazem parte da missão da empresa de se tornar líder do mercado nacional e, para tal, manter a proximidade com o seu público é fundamental para o sucesso. Foi com essa visão que a ‘Do It Better’ abraçou este novo projeto de implementação do 12º centro a nível nacional, onde pretende criar um maior número de oportunidades para o seu público no distrito de Setúbal.

Estas oportunidades vão ser criadas através dos cursos que irão abranger várias áreas de formação, entre as quais, Saúde, Beleza, Educação, Segurança, Administração, Cozinha e Veterinária.

E, também, com a Formação Específica para Empresas, direcionada para PMEs e grandes grupos que procuram aumentar as qualificações dos seus quadros, bem como responder à necessidade de formação contínua.

Desta forma, a Do It Better procura responder às inúmeras solicitações recebidas por parte do público residente na localidade de Viseu e, também, corresponder às necessidades do mercado.

Nas suas formações, a ‘Do It Better’ tem como prioridade potenciar as aptidões dos seus formandos, tornando-os profissionais de excelência na sua área. E, faz parte também dos seus objetivos, garantir a confiança do seu público e ser a escolha número um do mesmo

Intensifique o Olhar

Os olhos são o espelho da alma

Destacar os olhos e dar-lhes cor, é a melhor forma de estar bonita e mostrar o seu lado mais sedutor e um olhar mais profundo e intenso. Como diz o ditado, “os olhos são o espelho da alma”. As sombras fazem com que os seus olhos fiquem maiores e mais expressivos.

 

A mais recente tendência da maquilhagem é criar um aspeto quase natural – olhos com tons intensos e marrons, rosados, passando por nuances alaranjadas, avermelhadas e até rosa queimado – com ou sem brilho.

Fazer com que os seus olhos sejam os protagonistas do seu rosto é tão simples quanto aplicar bem as sombras nos olhos que mais a favorecem.

 

Há várias técnicas simples e rápidas de maquilhagem que podem ser adaptadas ao seu estilo de vida.

Independente da forma como aplica a maquilhagem no seu rosto, há que saber alguns passos que são básicos, no entanto fundamentais para intensificar o olhar:

  1. Passar uma pré-base;
  2. Usar 3 cores que combinem entre elas;
  3. Aplicar a sombra principal, lembrando que esta será a cor que vai definir o look, portanto, certifique-se de que para além de gostar, fique bem;
  4. Aplicar o tom mais escuro de dentro para fora e de baixo para cima, passando o lápis diversas vezes, esse é o tom que vai marcar a profundidade;
  5. E por último, aplicar a sombra mais clara da zona das lágrimas ao ponto em que termina a testa, é o toque iluminador nesse processo.

Dica: O uso de um bom rímel e delineador pode potenciar um olhar bem confiante e sedutor. Para concluir, é sempre bom lembrar do processo de limpeza completo:

  1. Desmaquilhar: Passar pelo rosto 1 ou 2 toalhitas desmaquilhantes;
  2. Lavar o Rosto: O segundo passo é apenas passar água e sabão;
  3. Tonificar: Para manter a pele saudável, é bom criar o hábito de passar um tónico ou água micelar que tem o mesmo efeito;
  4. Hidratar: Finalizar com um creme de hidratação diária ou um creme rejuvenescedor e assim já estará com a pele mais descansada.

 

3º Aniversário Do It Better Braga

3º Aniversário Do It Better Braga

No dia 14 de Setembro de 2018, a Do It Better Braga, celebrou o seu 3º aniversário!

Ao longo destes 3 anos, contribuímos para a mudança profissional de mais de 1000 formandos que fizeram parte das 164 turmas que foram ministradas, com o imprescindível apoio de mais de 20 formadores.

A nossa atenção ao mercado de trabalho permite-nos um acompanhamento das tendências atuais e, por isso, em 2018 iniciamos novos cursos com o intuito de responder às constantes necessidades profissionais da nossa sociedade.

Assim sendo, ministramos agora também os cursos de Assistente Administrativo e de Contabilidade, Chef de Cozinha e Pastelaria, Auxiliar de Medicina Dentária, Técnico Auxiliar Veterinário e de Estética Animal e novas especialidades na área da segurança privada.

No que respeita à equipa de coordenação pedagógica, somos reconhecidas pelo nosso profissionalismo, entrega e espírito de equipa. A missão desta equipa é todos os dias poder contribuir para uma mudança de rumo profissional e pessoal de quem nos procura. A nossa melhor publicidade é o sucesso dos nossos formandos! E isso faz-nos acreditar cada dia na nossa função.

Num mundo DO IT BETTER com mais de 10 anos no mercado nacional, Braga contribui há 3 para a emancipação e reconhecimento nacional como entidade de formação de referência!

 

geriatria

Técnico Auxiliar de Geriatria: Para além dos preconceitos da profissão

geriatria

O aumento do envelhecimento da população portuguesa teve um impacto significativo no valor atribuído à profissão de Técnico Auxiliar de Geriatria, tornando-se assim numa prática indispensável nos dias de hoje.

A razão por detrás da valorização do profissional de Geriatria surgiu com o crescimento contínuo da população idosa em Portugal. Sendo que, a notável projeção das funções do técnico auxiliar resultou do aumento da esperança média de vida da população em simultâneo com os baixos níveis de natalidade.

Face a estas circunstâncias, a procura de profissionais para cuidar deste segmento da população tem progredido exponencialmente, produzindo assim um aumento notável das vagas de emprego.

Estranhamente, nem o aumento das vagas de emprego, nem a valorização da profissão tem sido o suficiente para fazer com que mais profissionais se dediquem a esta área.

E porquê?  Porque a profissão é vista com alguns preconceitos, sendo um deles a falta de dignidade do profissional.

Esta falta de entendimento em relação à área possui um grande peso na decisão de possíveis profissionais e, consequentemente, tem um impacto direto no bem-estar da população idosa em Portugal.

geriatria

O envelhecimento da população aumentou a necessidade de cuidar e manter a qualidade de vida dos idosos. Por essa razão, a Geriatria tornou-se num setor emergente. Como tal, todas as questões que abarcam esta profissão vão ser esclarecidas.

  • O que faz, afinal, o Técnico  Auxiliar de Geriatria?

O Técnico Auxiliar  de Geriatria encarrega-se dos cuidados de apoio direto aos idosos, seja ao domicílio ou institucional. Os seus cuidados passam pela vigia dos aspetos clínicos, sociais, preventivos e curativos das doenças no envelhecimento. Também procura sempre proteger o bem-estar físico, psicológico e social de acordo com as indicações da equipa técnica.

  • Quais as competências necessárias?

Deverá dominar o conhecimento sobre as causas associadas ao envelhecimento. Cuidar da população idosa requer preparação e formação específica. Assim, este profissional deve ter a noção do impacto das limitações que a falta de saúde provocam no idoso e, intervir sobre esses problemas. Também deverá possuir competências de comunicação, empatia e relacionamento interpessoal.

  • Que funções desempenha?

O profissional de Geriatria fornece apoio aos idosos ao domicílio ou em contexto institucional. As suas funções dizem respeito aos cuidados básicos de higiene, saúde e conforto.

  1. Apoio na alimentação ;
  2. Cuidados de higiene e arrumação do meio envolvente ;
  3. Organização, preparação dos materiais e equipamentos necessários à prestação dos cuidados essenciais ;
  4. Colaboração no desenvolvimento de atividade de animação e de prevenção da monotonia e isolamento ;
  5. Passar a informação necessária ao idoso sobre os serviços e apoios que lhe estão a ser prestados, envolvendo-o nas rotinas diárias.

Faz também parte das suas funções, lidar com a complexidade dos problemas médicos propícios nesta fase da vida e, garantir a preservação e a recuperação da independência e da autonomia funcional ao máximo possível dos idosos.

  • Em que locais pode trabalhar?
  1. Lares de terceira idade ;
  2. Residencias geriátricas ;
  3. Centros de Dia/Noite ;
  4. Centros Comunitários ;
  5. Serviços Hospitalares ;
  6. Clínicas ;
  7. Centros de Acolhimento ;
  8. Residências privadas ;
  9. Serviços de Apoio Domiciliário ;

geriatria

O aumento de lares de idosos ocorrido nestes últimos anos, provocou uma necessidade de contratar profissionais qualificados para prestar os cuidados necessários à população idosa. Por essa razão, a taxa de empregabilidade desta função aumentou consideravelmente.

Cada vez mais é recomendada a realização de Cursos de Auxiliar de Geriatria, de forma a que deixe de existir cadência de profissionais qualificados. Com a missão de ir ao encontro das necessidades do mercado e garantir as melhores condições para os seus formandos, o Centro de Formação Profissional Do it Better ministra o Curso Técnico Auxiliar de Saúde e Geriatria para que alcance a excelência na sua área profissional.

Estudar… Quantidade não significa Qualidade

6 dicas para estudar melhor!

Estudar… Uma grande dor de cabeça para muitos, não por não gostarem de aprender mas antes porque investem muito tempo entre os livros e não conseguem obter os resultados desejados após horas e horas de estudo.

É daquelas pessoas que passa horas a fio a estudar e quando chega ao final parece que não aprendeu nada? Estudar demasiado não é assim tão benéfico. Estudar é uma das atividades do mundo em que a eficiência é mais eficaz do que a quantidade. Isto porque a capacidade das pessoas se (re)lembrarem de um conteúdo tem um limite proporcionalmente menor à capacidade de estudo. Para aumentar o seu rendimento de estudo, apresentamos algumas dicas de como capturar todo o conteúdo lido em tempo mais reduzido. Tudo isto comprovado cientificamente!

Impeça a curva do esquecimento

Essencialmente, a primeira vez que ouve uma aula ou estuda algo novo, há mais hipóteses de retenção, cerca de 80%, do que aprendeu apenas revendo o conteúdo novamente dentro de 24 horas. Depois de uma semana, terá capacidade de reter 100% das mesmas informações após apenas cinco minutos de análise. Para otimizar o tempo de estudo, aproxime-o mais do dia em que você teve contato com o material do que do dia da prova.

Utilize material impresso

Tablets e outros meios eletrónicos são ótimos para conveniência e portabilidade, no entanto, pesquisas sugerem que quando se trata de estudar, os materiais impressos tradicionais ainda têm vantagem face aos meios digitais.

Faça conexões

Na maior parte das vezes a diferença entre quem aprende rápido e devagar é a maneira como estudam. Memorizar para algumas pessoas é difícil, uma conexão de ideias é o ideal para essas pessoas. Por isso, não memorize, faça conexões.

Estude quando tiver cansado, e descanse em seguida

Parece contraditório, mas está comprovado cientificamente que estudar quando se encontra mais cansado e imediatamente antes de dormir pode mesmo ajuda o seu cérebro a reter concentrações mais elevadas. O processo de consolidação está no auge durante o sono “ de ondas lentas”, o que significa que a revisão de material antes de dormir ajuda o cérebro a fixar as informações.

Não releia, relembre

Ler e reler os conteúdos leva muitos estudantes a pensarem que adquiriram, com sucesso, o conhecimento mesmo quando não é verdade. Em alternativa devem usar a “recordação ativa”, fechando os livros e relatar tudo o que conseguem lembrar para praticar a memorização.

Sistema de Leitner

É conhecido pela utilização de “cartões de memorização”, serve para que os estudantes aprendam o conteúdo com o qual estão menos á vontade, pela repetição.

Na prática, o aluno coloca todos os cartões com perguntas na caixa 1. Em seguida, pega cada cartão e tenta responder à pergunta. Se acertar a resposta, coloca-o na caixa 2. Se errar, deixa-o na caixa 1. O estudo passa para as caixas seguintes e a premissa permanece. A única diferença é que nas próximas se o estudante errar, deve voltar o cartão para a caixa anterior. Assim, os cartões na primeira caixa são estudados com mais frequência.

A Do It Better pode transformar esta grande dor de cabeça para os alunos em algo prazeroso e intuitivo pois, dá formações de como transmitir e ensinar conhecimento.

 

Em média quanto ganha um segurança?

Mas afinal qual é o valor que ganha um Segurança em Portugal?

Há profissões que sofrem de estereótipos, seja pela sua natureza, área, formação ou remuneração.

É um erro comum pensarem que o Segurança Privado ou Vigilante ganha mal. Antes pelo contrário… Face ao investimento na formação, que pode variar entre os 500€ e os 1500€, os Seguranças têm uma remuneração mensal que permite ter o retorno do investimento (formação) feito ao fim de 3 meses.

O salário médio de um Segurança em Portugal é aproximadamente de 680€/mês mais extras. O que provavelmente compensa numa formação que dura em média 30 dias.

É uma área com um mercado bastante promissor, que tem aumentado de forma exponencial nos últimos anos, pois existem várias entidades, empresas e micro-empresas que requisitam este tipo de serviços de forma contínua.

A carga horária de trabalho é, normalmente, de 8 horas diárias, tendo em conta que as folgas mantém-se em 2 dias, variando de acordo com as empresas.

É uma profissão que exige a renovação de conhecimentos, sendo que é obrigatório que um Segurança Privado tenha de fazer uma atualização do cartão profissional ,comummente designado de Cartão MAI, de 5 em 5 anos.

No passado dia 1 de Janeiro de 2018 deu-se a abertura da ASSP – Associação Socioprofissional da Segurança Privada criada com o objetivo dignificar a Segurança Privada.

Estudos feitos pela ASSP também apresentam-nos uma tabela salarial em vigor nas áreas aqui referidas:

Com visão de melhoria sobre os salários, atualizou-se também os subsídios dos mesmos nas diferentes categorias:

A Do It Better, Centro de Formação Profissional tem parcerias com algumas Empresas de Segurança que contratam em Portugal.

Viver em Portugal com a Do It Better

É notável o aumento de estrangeiros a viver em Portugal. Porquê? Porque, seja pela segurança que se sente, pelo custo de vida ou pelo clima agradável, Portugal é procurado hoje em dia por habitantes de todo o globo.

Com base no Relatório de Imigração, Fronteiras e Asilo (RIFA) de 2017, há mais residentes em Portugal, o que se fez notar o aumento pelo segundo ano consecutivo, ultrapassando os dados de 2017 – 400 mil imigrantes – com um aumento de 15,7%.

Os naturais do Reino Unido continuaram a ser a sexta comunidade imigrante com mais residentes em Portugal, ultrapassando mesmo a comunidade Angolana.

A comunidade Brasileira por sua vez, com um total de 85.426 cidadãos, são a principal comunidade estrangeira a residir em Portugal, aumentando 5,1% no ano passado comparado com o mesmo período de 2016, invertendo a tendência de diminuição que se verificava desde 2011.

A decisão de viver no estrangeiro nunca é fácil, uma vez que implica várias decisões, não só a nível pessoal como também a nível profissional. Mas não chega tomar apenas a decisão de imigrar.

Tem de se ter a consciência dos procedimentos burocráticos que isso implica e que devem ser estritamente respeitados para que se possa viver legalmente em território nacional.

Em Portugal, é necessário alguns documentos básicos para conseguir procurar emprego ou estar devidamente legalizado. Isso inclui a aquisição de um Número de Identificação Fiscal (NIF), que equivale ao Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) do Brasil, e o Número de Inscrição na Segurança Social (NISS) e, mais importante, um visto de trabalho ou cartão de residência o que nos leva ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Enquanto Turista em Portugal, dependendo do visto ou situação de entrada, existe a possibilidade de permanência de 90 dias (equivalente a 3 meses). Este é o chamado período de permanência inicial, porque existe a possibilidade para qualquer cidadão estrangeiro que tenha entrado em território nacional como turista e que, por algum motivo (plausível), queira ficar por mais algum tempo no país é possível prorrogar o visto para mais 90 dias (perfazendo os 180 dias de permanência). 

Deixamos alguns passos importantes que deve seguir e ter em consideração para obter os documentos mínimos obrigatórios para estar legal em Portugal.

COMO ADQUIRIR O NIF (Número de Identificação Fiscal)?

Para que o estrangeiro possa adquirir o NIF tem de se fazer acompanhar por um representante fiscal (pessoa de nacionalidade Portuguesa), e ainda da seguinte documentação:

  1. Nome completo, sem abreviaturas;
  2. Cartão de Cidadão, Bilhete de identidade ou Passaporte;
  3. Nome e morada do representante fiscal em Portugal;
  4. Declaração que titule a representação fiscal ou contrato de mandato com representação, dos quais conste expressamente a aceitação da representação fiscal – reconhecida por advogado.

A Autoridade Tributária ( AT) Portuguesa ,  exige a todos os estrangeiros que pretendam obter um número de identificação fiscal ( NIF, CPF, NUIT) tenham o chamado representante fiscal, que deverá ser residente em território Português para que sirva como intermediário/ interlocutor entre o estrangeiro e a Autoridade Tributária (AT) .

Para todos os efeitos legais, o representante fiscal assume a obrigação de transmitir toda a correspondência que receba da Autoridade Tributária (AT), não existindo assim a obrigatoriedade de a Autoridade Tributária (AT) notificar os estrangeiros (contribuintes) nas respetivas moradas de origem, junto dos países de origem. 

COMO ADQUIRIR NISS (Número de Identificação de Segurança Social)?

O Número de Identificação de Segurança Social – NISS, permite que a identificação perante a Segurança Social seja única, exata e rigorosa, a nível nacional.

Não tem Número de Identificação da Segurança Social? A página da segurança social indica que tem de ser feito num destes pontos aqui indicados.

COMO ADQUIRIR CARTÃO DE RESIDÊNCIA

O ideal para tratar do cartão é fazer a marcação no SEF com antecedência uma vez que pode ficar com a marcação para datas muito distantes e para que não esteja com documentos sem validade. O SEF disponibiliza um sistema de agendamento prévio, através de marcações telefónicas ou marcações online, prestando os seus serviços em diferentes locais de atendimento. Para visualizar os documentos necessário clica aqui.

Não estranhe se tiver alguma difiuldade em fazer o agendamento telefónico junto do SEF (é mesmo uma missão difícil) e não adiantar ir pessoalmente ao SEF, por lá irão informar que as marcações só poderão ser realizadas por via telefónica.

Tendo em conta que este é o processo mais demorado e também mais trabalhoso, aconselha-se a ter bastante atenção, porque cada caso é diferente. Aconselha-se também a guardar os documentos mesmo que fora de validade, porque no caso da renovação é necessário apresentação da documentação anterior, para comprovativo e análise por entidades superiores. Um exemplo deste caso: Irá fazer uma renovação de um título de residência e entretanto o seu passaporte já foi renovado. Deverá sempre levar o passaporte anterior caducado, caso o contrário poderão remarcar sua entrevista, por falta de documentos (mesmo que isto não esteja escrito no site do SEF, de forma clara).

Há quem venha para Portugal para trabalhar ou para estudar. No caso desta segunda opção o processo é ligeiramente diferente. Mas então se um estudante estiver inscrito num curso com uma duração superior ao visto de turista como se faz nestes casos?

Se estiver em Portugal e decidir fazer um curso, seja ele de Ensino Secundário ou Ensino Superior, o tempo de permanência em território nacional aumenta ficando o equivalente ao tempo de durabilidade do curso em que está inscrito, no entanto, é imperativo que se entreguem, junto do SEF, a documentação comprovativa da inscrição.

CARTÃO PORTOSEGURO (Unicamente para Brasileiros)

Após a receção do cartão de residência, é possível obter o Cartão Portoseguro, destinado só a Cidadãos de Nacionalidade Brasileira, com Título de Residência Válido e residentes em Portugal (maiores de idade) o que confere direitos e deveres conferidos pelos estatutos de igualdade.

Particularmente no Curso de Vigilante de Segurança Privada, os formandos brasileiros, têm a obrigatoriedade de possuir o cartão portoseguro, caso contrario não se podem inscrever no curso.

Na Do It Better – Centro de Formação Profissional, trabalhamos diretamente com formandos de várias comunidades estrangeiras que procuram relançar a sua atividade profissional em território nacional.  No âmbito da Formação Profissional a Do It Better dispõe de meios necessários para encaminhar todos quanto nos procuram, trabalhando estritamente de acordo com todos os trâmites legais.

Como proteger as patinhas do seu cão

O Verão é a época do ano em que temos mais tempo livre para dedicar aos nossos cães:
queremos levá-los para todo o lado e fazer caminhadas mais longas com eles. Nada disto tem problema desde que que sejam tomadas as devidas precauções.

Nesta altura, em que se atinge as temperaturas mais altas, é necessário ter cuidados redobrados com os nossos cães, principalmente com as suas patinhas.

Constantemente bem dispostos e brincalhões, os nossos “quatro patinhas” adoram os seus passeios com os donos.

Contudo, na época do calor, é importante ter em atenção aos horários em que os levamos à rua. Isto porque, as almofadas localizadas na sola das suas patas (coxins) podem parecer resistentes, mas a verdade é que são muito sensíveis e podem sofrer queimaduras se o cimento estiver muito quente.

O ideal é evitar as horas de maior calor e passear o seu ‘bichinho’ antes das 10h da manhã ou após as 17h da tarde. Desta forma, irá estar a proteger o seu animal das temperaturas elevadas e  as suas patinhas ficarão protegidas de queimaduras.

A Do It Better ministra o Curso Técnico Auxiliar de Veterinária e, como tal, apresenta algumas dicas para poder desfrutar do tempo livre com o seu animal sem qualquer tipo de preocupações.

  • Altere os horários das caminhadas para os horários de menor calor – entre as 10h e as 17h;
  • Aplique no pêlo um protetor solar que existe no mercado que reforça a defesa do seu animal;
  • Coloque a palma da sua mão no chão quente e, se aguentar a temperatura durante 30 segundos, o seu animal poderá passear no chão sem problemas.

Aproveite o Verão para passar tempo com o seu melhor amigo e não se esqueça, retribua todo o carinho que recebe todos os dias.

Auxiliares de Prestígio

A importância do técnico auxiliar de saúde

 

Um Técnico Auxiliar de Saúde deixou de ser considerado o “elo mais fraco” de uma equipa médica e passou a ter um papel determinante no processo de acompanhamento do estado de saúde de um paciente, tal como um médico ou um enfermeiro. Aliás, estes três elementos (técnico de auxiliar de saúde, enfermeiro e médico), formam inclusivamente uma equipa de intervenção onde todos têm um trabalho determinante. Isto porque as suas intervenções e práticas são bem definidas e assumem um papel preponderante e indispensável para o bem-estar do cliente.

 

 

Ao estar em contacto permanente com o utente, um auxiliar de saúde, para além de ser uma ponte entre os médicos e os enfermeiros, também faz parte da equipa que forma um plano de trabalho estruturado para conseguir satisfazer as necessidades que surgem durante o horário laboral e muitas vezes fora dele.

 

 

Algumas das atividades fundamentais a desempenhar por este profissional são:

  • Ajudar o utente nas necessidades de eliminação e nos cuidados de higiene e conforto de acordo com as orientações do enfermeiro ;
  • Auxiliar o enfermeiro na prestação de cuidados de eliminação, cuidados de higiene e conforto ao utente e na realização de tratamentos e feridas e úlceras ;
  • Auxiliar o enfermeiro na prestação de cuidados ao utente que vai fazer, ou fez, uma intervenção cirúrgica ;

 

 

 

  • Auxiliar nas tarefas de alimentação e hidratação do utente ;
  • Auxiliar na transferência, posicionamento e transporte de utente ;
  • Assegurar atividades de apoio ao funcionamento das diferentes unidades e serviços de saúde.

 

 

É um segmento na área da saúde que esta à procura de bons profissionais pois é uma profissão com uma responsabilidade enorme e, torna-se exigente pelo facto de passarem grande parte dos seus turnos em intervenções aos utentes, sendo  fundamental manter uma atitude compreensiva, alegre e motivante, porque algumas práticas envolvem a privacidade e a intimidade do utente.

A Do It Better dispõe cursos profissionais certificados que satisfazem, com qualidade, as necessidades deste segmento na área da saúde fazendo com que a adaptação no mercado de trabalho seja bem mais facilitada.

RAZÕES PARA FAZER DRENAGEM LINFÁTICA

Em 1930, um casal de médicos Emil Vodder e Estrid Vodder, criaram a drenagem linfática, enquanto tratavam pacientes com sinusite na Riviera Francesa. Hoje, tornou-se num ritual de beleza e um procedimento de rotina para muitas pessoas que sofrem com a retenção de líquidos, sendo a maioria mulheres.

FUNÇÃO

A drenagem linfática é uma técnica de massagem que tem por objetivo estimular o sistema linfático – uma rede complexa de vasos que movem fluídos pelo corpo – a trabalhar de forma mais acelerada. Mas os benefícios são tantos que lhe damos mais razões para que seja um praticante:

  • Já lhe citámos que acaba com a retenção de líquidos – a técnica desta massagem drena o excesso de líquido no corpo e com isso desaparece o inchaço, causado pela retenção. Ao estimular o sistema linfático, que é o responsável pela limpeza de resíduos e toxinas.

Dica: ao fazer uma vez por mês a drenagem, faz uma limpeza mais profunda de toxinas no organismo.

 

  • Melhora a circulação sanguínea. Ao melhorar o funcionamento do sistema linfático, o sistema circulatório também flui melhor, já que ambos se relacionam.

 

  • Muitos médicos recomendam como técnica pós-operatória, pois ajuda na redução do inchaço pós-operatório.

 

  • Deixa o sistema imunológico mais ativo. Com o corpo sem toxinas a oxigenação de células é maior. O que faz com que seja um beneficio de curto, médio, e longo prazo.

 

  • Apesar de não haver evidência científica, o aspeto da pele tende a melhorar devido ao óleo usado no tratamento e aos movimentos feitos, a verdade é que acontece provavelmente devido aos estímulos e à oxigenação da pele.

 

  • Alivia o stress do quotidiano. Ajuda a acabar com a sensação de cansaço, exaustão e desânimo.

 

A drenagem linfática proporciona um bem estar geral para o organismo e os benefícios não são apenas estéticos. Desfrutar deste tipo de tratamento pode favorecer uma melhor qualidade de vida.

 

SUGESTÕES

Pode aliar a uma alimentação balanceada: Reduzir a quantidade de sódio, gás e corantes por exemplo, ajuda muito a diminuir a retenção de líquidos, um dos problemas tratados pela drenagem linfática

No que diz respeito a saúde, atividade física sempre será uma recomendação médica ou como sugestão de praticantes ou profissionais da área . No caso da drenagem, o exercício aumenta a oxigenação do corpo, o que favorece a ação da sua drenagem linfática.

Parece irónico, mas quanto mais líquidos ingerir, menos retenção terá! Isto porque o nosso corpo tem um equilíbrio muito grande com a água, portanto o corpo bem hidratado tem menos propensão à retenção, potencializando a sua drenagem linfática.

barba

Cada um colhe a barba que semeia!!

barba

“Cultivar” uma barba longa exige trabalho e atenção.

Uma barba bem apresentada para um homem é sinónimo de elegância e confiança. Ao contrário do que se pode parecer, fazer crescer a barba de uma forma bonita e saudável exige muita atenção, delicadeza e alguns cuidados básicos.

Não adianta simplesmente deixar a barba crescer descontroladamente até chegar ao tamanho desejado. É extremamente importante conhecer o que está a “cultivar”.

Nem todos os homens são iguais e acontece exatamente o mesmo com a barba. Há texturas, faces e aspetos diferentes, pelo que o crescimento do pelo não é linear em todas as caras, variando de acordo com as características dos genes e da pele.

“A barba tem qualquer coisa de sagrado e outra qualquer de desleixo” – Bobone, 2016

Segundo a formadora da Do It Better, Eduarda Correia, a essência da barba da resume-se à subtileza da linha que separa uma barba bem cuidada de uma barba desleixada.

Para manter uma barba esteticamente apresentável e dentro dos padrões recomendados, procuramos identificar tudo aquilo que precisa de saber junto de um especialista, apresentando algumas dicas simples e truques para ter uma barba cuidada:

  • PACIÊNCIA

Se quiser deixar a barba crescer e ganhar forma, precisa que ela se desenvolva por algum tempo para que possa descobrir se tem falhas ou não e adaptar o seu formato, moldando e aparando os excessos da barba até chegar ao ponto desejado.

barba

 

  • HIGIENE

Tenha higiene sempre! Assim como o cabelo, a barba precisa de cuidados. Ao decorrer do dia a barba também acumula fungos, bactérias e até pode ter caspa.

È fundamental fazer uma boa higienização diária da sua barba, a utilização de shampoo para a barba, óleo de barbear e balm é fundamental para uma boa higienização.

O shampoo mantém a barba limpa e hidratada. Somente o shampoo especifico para a barba é capaz de lavar corretamente sem nenhum componente agressivo, o balm e o óleo são os produtos mais indicados para hidratação.” – Eduarda Correia, Formadora Do It Better

 

barba

 

  • KIT PARA A BARBA

Para quem quer manter uma barba comprida, é importante ter um kit básico com tesoura, pente e uma máquina. Com estes equipamentos vai conseguir ter um bom cuidado da sua barba. A ida ao barbeiro pode fazê-la uma vez por mês para dar um “toque” mais profissional e conseguir mantê-la com o seu kit básico.

 

barba

 

  • PENTEAR FREQUENTEMENTE

Uma maneira de conseguir ter uma barba bem estruturada é pentear com frequência, pode dar mais forma ao seu barbear deixando-o bonito e sempre apresentável. Por isso, tenha sempre um pente para a barba perto de si!

barba

 

Dicas simples que fazem toda a diferença para um bom cuidado da barba. Tudo isto serve para garantir que nunca tenha um aspeto desleixado a parecer um homem das cavernas.

Cultivar uma barba é considerado um hobby, uma arte ou até mesmo um estilo de vida.

A Do It Better tem cursos profissionais de barbeiro que o ajudam a perceber mais sobre esta temática  e, assim, também poder ajudar outras pessoas que tenham as mesmas duvidas ou então, quem sabe, abrir um negocio próprio pois, o conhecimento que a Do It Better transmite é direcionado para satisfazer as necessidades do mercado.

Mitos e Verdades da Tatuagem

É fundamental refletir antes de fazer uma tatuagem, tendo em conta que é algo que nos marca para toda a vida. Embora já seja possível remover as tatuagens ainda não há registo da sua eficácia. É uma área que carrega muitos mitos e verdades.
Deixamos em baixo alguns dos exemplos mais comuns.
Verdade
Verdade
A agulha deve ser descartável e/ou esterilizada.
Parcialmente verdade
Parcialmente verdade
Tatuados não devem doar sangue ou fazer transfusão. É recomendado esperar no mÍnimo um ano para certificar que não houve contaminações.
Verdade
Verdade
Bater na tatuagem dias após faze-la pode provocar quelóides, é ter em conta que é uma lesão.
Mito
Mito
Dizer que não se pode ir a praia com tatuagens recentes.
Verdade
Verdade
Evitar exposição solar, que pode inflamar a zona ou até desbotar a tatuagem.
Verdade
Verdade
Retirar as crostas em volta ou sobre a tatuagem, para evitar aparecimento de cicatrizes.
Mito
Mito
Diabéticos não podem fazer tatuagens - aconselha-se a orientação médica antes, contudo podem fazer desde que estejam controlados os níveis de glicemia, mas convém evitar tatuar as zonas do corpo em que normalmente se aplica as injeções de insulina.
Verdade
Verdade
Há partes do corpo que doem mais na hora de fazer a tatuagem, áreas de maior enervação ou vascularização.
Verdade
Verdade
Pode criar reacções alérgicas. Mas isso acontece em pessoas potencialmente alérgicas, como as portadoras de dermatite atópica.