Curso Operador Central de Alarmes

Curso Operador Central de Alarmes

O Curso Operador Central de Alarmes é uma formação que permite aos futuros profissionais em Operação de Alarmes aplicar conhecimentos na segurança electrónica e procedimento operacionais de emergência em alarmes; operação de meios de video-vigilância e centrais de alarmes e registos técnicos e relatórios e simulação prática de incidentes.

AUTORIZAÇÃO DA PSP Nº 21

Informação específica

CONDIÇÕES DE ACESSO AO CARTÃO DO MAI
(de acordo com Decreto-Lei n.o 35/2004 de 21 de Fevereiro)

  1. Ser cidadão português, de um Estado membro da União Europeia, de um Estado parte do Acordo sobre o Espaço Económico Europeu ou, em condições de reciprocidade, de um Estado de língua oficial portuguesa;
  2. Possuir a escolaridade obrigatória;
  3. Possuir plena capacidade civil;
  4. Não ter sido condenado, por sentença transitada em julgado, pela prática de crime doloso contra a vida, a integridade física ou a reserva da vida privada, contra o património, de falsificação, contra a segurança das telecomunicações, contra a ordem e tranquilidade públicas, de resistência ou desobediência à autoridade pública, de detenção ilegal de armas ou por qualquer outro.
  5. Não exercer, nem ter exercido, as funções de gerente ou administrador de sociedade de segurança privada condenada, por decisão transitada em julgado, pela prática de três contra-ordenações muito graves no exercício dessa actividade nos três anos precedentes;
  6. Não exercer, nem ter exercido, a qualquer título, cargo ou função de fiscalização do exercício da actividade de segurança privada nos três anos precedentes;
  7. Não ter sido sancionado, por decisão transitada em julgado, com a pena de separação de serviço ou pena de natureza expulsiva das Forças Armadas, dos serviços que integram o Sistema de Informações da República ou das forças e serviços de segurança.

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA

  • Documento de identificação (CC ou BI/NIF/NISS) ou equivalente.
  • Comprovativo de morada.
  • 2 Fotos tipo passe com fundo branco e sem uniforme.
  • Registo Criminal (Para o exercício da atividade de Segurança Privada – envolve contacto com menores).
  • Certificado de Habilitações (Original ou cópia autenticada).
  • Exame médico emitido por médico de Medicina do Trabalho, incluindo avaliação psicológica

 

O Curso Operador Central de Alarmes tem como principais objetivos:

  • Formar seguranças na área de vigilância de central de alarmes (ALM);

O Curso Operador Central de Alarmes tem como principais saídas profissionais:

  • Operador de Central de Alarmes;

* Certificado SIGO (Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa) coordenado pelo GEPE-Ministério da Educação e Ciência, tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho e Certificado DIB segundo o Decreto-Lei nº 396/2007 de 31 de Dezembro.

Formadores

Casos de Éxito

Grupos

Lecturer

Ricardo Carneiro