Muito para além da Estética… A Tatuagem é uma arte intemporal

Mais que simples desenhos, as tatuagens são artes corporais repletas de simbolismo que, inevitavelmente, acompanham tendências e gostos pessoais.

As tatuagens são uma das formas de arte com maior reconhecimento em todo o mundo, e é considerada por muitos como uma das mais completas e diversificadas da atualidade. Contudo, esta é uma arte que ficará para sempre marcada no seu corpo, portanto venha daí e espreite quais as tendências e as suas origens para que na hora de escolher não tenha quaisquer dúvidas!

Pontilhismo

O pontilhismo é uma técnica artística feita com a ponta de uma agulha, e como o próprio nome indica é feita com pontos, que todos juntos dão origem a uma imagem.

Este estilo é cada vez mais uma tendência no mundo das tatuagens, pois confere, aos olhos de quem vê, uma sensação de profundidade e de uma suavidade impressionante.

Se quer uma tatuagem cheia de simbolismo e tradição então este é o estilo certo para si!

Maori

Este tipo de tatuagem tem vindo, nos últimos anos, a ser uma opção para muitos dos tatuados e se pensa que este é um estilo recente, desengane-se! Estas tatuagens são originárias de um povo nativo da Nova-Zelândia, o povo maoiri e segundo as tradições polinésias quanto maior o estatuto social da tribo maior era o número de tatuagens que possuíam.

Veja alguns dos símbolos com maior relevância para esta cultura:

Torções duplas e triplas

Apesar de parecer uma imagem simples, esta era uma das tatuagens com maior importância para o povo maiori, pois simbolizava o caminho da vida bem como o laço e a lealdade entre duas pessoas para toda a eternidade.

Koru Maori

Esta tatuagem em forma de espiral representa a folha samambaia ainda como um rebento, que simboliza um recomeço e a passagem para um novo ciclo da nossa vida.

Maori Pakati

Era usado sobretudo pelos guerreiros maori e representa a coragem, força e as batalhas travadas.

Hei Matau- Anzol

O símbolo do anzol simboliza prosperidade, força, determinação e boa sorte. Era usado pela tribo como um amuleto para dar boa sorte quando fazia saídas para o mar.

FineLine

Se para si menos é mais inspire-se neste estilo que, é já, a grande tendência para os anos que se seguem.

Este estilo é muito minimalista sendo uma técnica de traço fino, ou seja, são linhas finas que são desenhadas no corpo e transmitem simplicidade e leveza. Este tipo de tatuagens é ideal para quem não quer nada muito exagerado e para quem gosta de tatuagens pequenas … Mas originais!

Aquarela

As primeiras tatuagens a aquarela são bastantes recentes, mas bastante populares nestes últimos anos, e teve origem nas técnicas de pintura que são feitas em papel.

O seu estilo fluído e sem contornos faz com que esta tatuagem tenha um aspeto autêntico e único. Também os efeitos e a combinações de cores são únicas tornando-se difícil de possíveis imitações.

Blackwork ou Neo tribal

Ao contrário do estilo Fineline e Aquarela, o blackwork é uma técnica mais antiga e tem vindo a sofrer alterações ao longo dos anos.

O blackwork, em tradução livre, significa trabalho a preto e é um aperfeiçoamento do estilo maori com uma junção da geometria e do pontilhismo. Numa fase inicial, este estilo era muito usado para cobrir outras tatuagens pois era capaz de cobrir grandes áreas devido à cor escura.

Atualmente é uma técnica muito procurada e é um estilo que combina muito bem com a anatomia corporal. No entanto, é talvez dos estilos mais difíceis de trabalhar dado aos seus traços contínuos e perfeitos, portanto se este estilo for o seu eleito deve escolher bem o tatuador.

Saiba também os cuidados que deve ter após fazer uma tatuagem. 

A Do It Better é um centro de formação profissional que lhe dá a oportunidade de ampliar todos os seus conhecimentos e dar-lhe um futuro ainda mais Better.

Autoria: Marisa Santos