Diferença entre contabilidade organizada e contabilidade simplificada

Requisitos necessários para estruturar a contabilidade da sua empresa

Vai abrir uma empresa ou desenvolver uma atividade comercial, e não sabe quais os requisitos obrigatórios para organizar a contabilidade ? Descubra as duas formas possíveis de o fazer de forma clara e concisa.

A contabilidade organizada é uma opção de tributação dos rendimentos no qual uma atividade comercial ou um negócio pode estar sujeito. Este regime fiscal é obrigatório para as empresas constituídas em sociedade, entre elas as sociedades em nome individual, sociedades por quotas e sociedades anónimas.

O regime da contabilidade organizada tem a grande vantagem de apurar o lucro ou o prejuízo de forma rigorosa e poder deduzir grande parte das despesas profissionais (por exemplo, combustível, estadias, material informático, entre outros).

Apesar de ser mais eficiente sobre o ponto de vista fiscal, permitindo a dedução da generalidade dos encargos com a profissão, o sujeito passivo é obrigado a contratar um técnico oficial de contas (TOC), que submeterá as declarações do sujeito.

Outra desvantagem reside no facto de ser obrigatório a elaboração de dossiers fiscais que devem ser apresentados anualmente e guardados durante vários anos, o que retira algum tempo à empresa.

Por sua vez, o regime simplificado é a forma de tributação automática que as finanças atribuem a profissionais liberais ou empresários em nome individual quando estes iniciam uma atividade. Como é um regime aplicado por defeito,  caso os contribuintes não o pretendam, devem formalizar a escolha da outra opção com a devida atencedência.

A vantagem deste regime, quando comparado com o da contabilidade organizada, reside no facto de ter menos obrigações fiscais e despesas extra, além de não ser obrigatória a contratação de um Técnico Oficial de Conta, sendo esse um gasto a menos. Assim, caso o sujeito passivo tenha conhecimento na área, poderá ele mesmo fazer toda a contabilidade da sua empresa. A grande desvantagem está relacionada com a impossibilidade de deduzir as despesas.

A escolha do regime variará de acordo com cada caso, já que diferentes despesas terão de ser tidas em conta. Por norma, quanto maior a atividade, mais se justifica o regime da contabilidade organizada. Uma vez que, quanto maior for a atividade, maiores serão os custos.

Autoria: Sara Guerreiro